Se você é proprietário de imóvel, certamente sabe que o investimento em imóveis é um dos mais seguros que existem. Ao optar pela compra, você garante um patrimônio próprio que, diferentemente do investimento em ações, por exemplo, não sofre com as oscilações do mercado financeiro.  

No entanto, ainda que exista toda essa segurança em torno do investimento em imóveis, há um fator determinante que pode tornar o negócio mais rentável ou prejudicar uma boa negociação: saber o que fazer para alugar um imóvel rápido. Isso só acontece quando você, enquanto proprietário, investe na valorização do imóvel. 

A valorização do imóvel ocorre quando o valor do bem aumenta em relação ao seu preço inicial. Esse cálculo, porém, nem sempre é simples. Interferem no custo a situação econômica do país e, principalmente, fatores ligados diretamente ao imóvel, como o estado de conservação do mesmo e sua documentação regularizada.

Sendo assim, para te ajudar a entender cada um desses pontos, listamos a seguir 7  fatores para valorizar um imóvel para o proprietário que pretende alugar um imóvel de maneira mais rápida. Confira! 

O que fazer para alugar um imóvel rápido

Enquanto proprietário, você, certamente, quer um bom retorno para o seu investimento. Por isso, ao investir, deseja que o seu imóvel ganhe valor no mercado, certo? Nesse sentido, é preciso observar diversos fatores que influenciam no preço do imóvel e, portanto, determinam o quanto seu valor pode ou não aumentar com o tempo. 

Sendo assim, veja a seguir 7 fatores que podem valorizar um imóvel e descubra algumas maneiras de fazer pequenas alterações na sua casa ou apartamento para alugar mais rápido e garantir mais lucratividade.

Conservação do imóvel: nova pintura, revisão das redes elétrica e hidráulica

O estado de conservação e as características físicas são os principais fatores que influenciam no preço de um imóvel. Um imóvel com problemas estruturais ou mal cuidado dificilmente atrairá inquilinos.

O bom estado de conservação da fachada e a pintura dos ambientes da casa ou do apartamento valorizam o imóvel, por exemplo. Já acabamentos de má qualidade, grama alta e falta de manutenções, dão a impressão de descuido e abandono, desvalorizando a propriedade. 

Por isso, é importante sempre manter a pintura renovada, realizando manutenções constantes na fachada e ambientes internos. Igualmente importante, é manter em bom funcionamento as instalações elétricas e hidráulicas do imóvel, realizando vistorias e manutenções constantes. 

Atenção aos acabamentos

Além disso, vale a pena investir em itens mais estruturais, como materiais construtivos e qualidade dos acabamentos para valorizar ainda mais o seu bem. 

Você pode, por exemplo, alterar acabamentos, como pisos e revestimentos, escolhendo materiais de maior qualidade para valorizar o imóvel. 

Investir na infraestrutura e nos materiais usados na construção é importante. Revestimentos mais nobres, assim como bons acabamentos, tornam o imóvel mais atraente e são um diferencial de mercado.

O uso de materiais construtivos de alta qualidade, por exemplo, indicam que o imóvel tem maior durabilidade e precisará de menos manutenção. Evitando, assim, que o morador tenha mais gastos no futuro.

Cuidados com a área externa

A necessidade de um jardim ou áreas de lazer nos imóveis sempre foram fatores decisivos no momento de escolha de um imóvel. Com a questão da pandemia, isso se tornou ainda mais imprescindível.

Hoje, as pessoas valorizam muito mais os espaços de lazer ou descanso disponíveis em um imóvel. Muitos querem, por exemplo, ter momentos ao ar livre, deixar crianças e pets se divertirem em um ambiente mais seguro, ou até mesmo cultivar uma horta.

Assim, um jardim bem cuidado ou uma vista privilegiada, assim como uma boa estrutura de lazer ao ar livre, podem fazer toda a diferença no momento de decisão pela locação de um imóvel. 

Documentação em dia

É importante que todos os documentos do imóvel estejam em dia. Documentação irregular faz muitas pessoas desistirem da locação. Lembre-se: burocracia gera burocracia, que gera demora e, consequentemente, desistência.

Entre os documentos que devem ser apresentados para a locação de um imóvel, está a matrícula atualizada, além da documentação pessoal do proprietário e a comprovação da propriedade do imóvel.

Apresentação

Outra forma de valorizar o imóvel, é prepará-lo para receber visitantes de forma que o interessado no imóvel se identifique com o espaço, principalmente em apartamentos que já são ou foram habitados. Desta forma, o potencial do ambiente é mostrado ao seu máximo e causa uma boa impressão.

Uma técnica muito usada para causar uma boa impressão é o chamado home staging, que é uma forma de preparar os ambientes antes da visita. 

Por isso, organize os móveis de maneira inteligente, para que eles aproveitem e valorizem o espaço de forma mais neutra, que agrada a maior parte das pessoas. Além disso, mantenha todos os cômodos limpos e bem organizados para não causar má impressão no futuro inquilino. 

Iluminação dos ambientes

Outra estratégia muito interessante de home staging é apostar na iluminação dos ambientes. Sendo assim, tenha sempre cuidado na escolha das luzes para os cômodos. Nos quartos, por exemplo, o indicado são as que dão sensação de conforto. Já na cozinha, as luzes fluorescentes são as recomendadas por deixarem o ambiente mais claro. Nos dias de visita, certifique-se de abrir as janelas para valorizar a iluminação natural e de que todos os pontos de luz estejam funcionando corretamente. Se quiser investir um pouco mais, novos pendentes podem ajudar a renovar o ambiente e somar um valor extra ao preço do imóvel.

Reparos ou reformas

Na hora de alugar a casa ou apartamento, é imprescindível também pensar em fazer pequenas reformas para valorizar o imóvel. Em unidades usadas, algumas ações rápidas e baratas destacam a casa ou o apartamento sobre os concorrentes, ajudando a atrair futuros inquilinos e a fechar negócio mais rápido. O pacote básico inclui limpeza, pintura, troca de peças desgastadas ou quebradas e pequenos restauros. É preciso ficar atento para que o valor gasto com a reforma não supere a margem de 5% do preço de venda do imóvel. Para saber mais, veja aqui algumas dicas de reformas para valorizar sua casa ou apartamento.

Investir em imóveis vale a pena

Quem tem uma reserva financeira ou já está acostumado a investir, deve considerar a oportunidade de comprar imóveis em 2021. A pandemia, embora tenha impactado negativamente a economia de uma forma geral, fez com que muitas pessoas pensassem em como fazer o dinheiro render e garantir uma renda extra de forma segura – principalmente, disponibilizando o imóvel para locação.

De acordo com os números do Índice Fipezap, houve alta no preço do aluguel residencial. Os imóveis para alugar em Curitiba, por exemplo, tiveram um aumento de 12,24% no último ano. 

Além disso, imobiliárias e construtoras estão facilitando a compra e adaptando as formas de pagamento à realidade do investidor. Por isso, se você tem dinheiro guardado e quer ver ele valorizar ao longo do tempo de forma segura e contar com uma renda extra com valor de aluguel, a hora de comprar imóveis é agora. Para te ajudar a entender esse contexto, preparamos um artigo sobre por que investir em imóveis para alugar é um bom negócio

O que fazer para alugar um imóvel rápido? Confie na JBA!

Se você é proprietário e não sabe o que fazer para alugar um imóvel rápido, procure uma imobiliária especialista no mercado para trocar informações, esclarecer dúvidas e iniciar um relacionamento que irá garantir total segurança para as suas negociações.

Veja aqui as vantagens de anunciar um imóvel em Curitiba com a JBA Imóveis. E, em caso de dúvidas, entre em contato conosco